Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Abaixo os lamentos

15.10.20, Paula Veiga Claro

121255383_3316375428430967_4459623536735768527_o (1).jpg

O tempo que as pessoas perdem com lamentos e posts de indignação pelas redes sociais!! Posts que, na maior parte das vezes, não acrescentam nada de útil e pragmático (apenas subtraem!). Posts que servem puramente para espalhar informações distorcidas e alimentar os comentários (pseudo) científicos daqueles que são especialistas na arte da fofoca.

Foquem-se no essencial. Estamos a passar por um momento que pode acabar com a vida de muitos de nós (não apenas no sentido biológico do termo, mas também no sentido profissional, familiar, mental, espiritual, económico, etc, etc, etc). Cultivar lamentos é desperdiçar energia vital. Cultivar lamentos é entrar numa espiral negativa que inflama os ânimos e suga a paz interior, essa preciosidade que nos permite manter o discernimento. Foquem-se no essencial. Façam a vossa vida mas sejam cívicos e responsáveis. Protejam-se e protejam o próximo. Aliás, custa-me saber que certas pessoas ainda põem em causa o uso da máscara. Eu também detesto andar com esta coisa na cara. Eu também detesto passar um dia a trabalhar com este acessório colado ao rosto. Sufoca-me, perturba-me a visão e dificulta-me a comunicação com os meus clientes mais queridos. Mas tem de ser. Transformo-me na Monstrinha da Máscara que sorri com os olhos e os abraça com as palavras. E tudo flui.

Sejam positivos. Não se queixem tanto. Desgraça é viver num campo de refugiados ou sentir os horrores de uma guerra civil. Desgraça é não ter casa ou o que comer. Desgraça é perder a saúde física e mental. Desgraça é a palavra preferida de quem se entrega à pobreza de espírito. Desgraça é voltarmos todos para casa e isto rebentar de vez. Sejam positivos. Deixem-se de merdas (desculpem a expressão mas não encontro melhor). Enquanto meio mundo morre de fome e doença, a outra metade queixa-se que a máscara lhe rouba a liberdade. Por amor da Santa!! Aprendam a relativizar e a agradecer. Menos lamentos e mais gratidão. Menos lamentos e mais ação. Menos lamentos e mais civismo. Menos lamentos e mais respeito. Menos lamentos e mais vontade de viver e vencer tudo isto 👊 

Também nos podem seguir no Instagram e Facebook 

#fuckcovid19