Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Este amor que transcende todas as dimensões

05.09.14 | Paula Veiga Claro
Deu um pulo enorme este verão. Cresce a olhos vistos. Está a ficar com aquele ar de rapariga. Posso não ter tempo para muita coisa mas não vivo sem fotografar esta boneca (que às vezes me dá cabo do juízo!) mas continua a ser a doçura e a fofura em pessoa. Quem a ouve falar dá-lhe mais idade porque é dona de uma maturidade incrível e sabe muito bem o que quer. Tem tanto de teimosa como de querida e está sempre pronta para ajudar e mimar todos os que a rodeiam. Doce, meiga, carinhosa, delicada, feminina, enérgica, decidida, responsável, organizada, curiosa, aventureia, super comunicativa e cheia de princesices. É a filha com que sempre sonhei. Todos os dias me sinto grata e abençoada. Só a teimosia é que podia ter vindo em doses mais reduzidas!

Cada mãe tem a sua maneira de ser. Somos todas diferentes mas (no fundo) todas iguais porque o denominador comum que nos une é incontornável! Os nossos filhos são tudo para nós 



















#mylove #mylight #mylife

AngelLuzinha

Desabafos, rotina e as escolhas da Rafaela

04.09.14 | Paula Veiga Claro
Todos os dias penso nisto. Como é que vou conseguir arrancar a Rafaela da cama às 7h30 da manhã (ou antes!) para entrar na escola às 8h30? Sei que muitas crianças já estão habituadas a este horário mas ela não. Sempre chegou à escola por volta das 9h15, enquanto grande parte dos colegas já lá estava desde as 8h00. Tem sido uma privilegiada e tem consciência disso. São as vantagens de ter uma mãe que abraçou a vida de profissional liberal com tudo o que isso tem de bom e menos bom (sim, não pensem que são só rosas!). 

A verdade é que a criança cá de casa nunca teve um acordar fácil (em bebé acordava sempre a chorar!) e há dias em que me deixa há beira de um colapso nervoso. Chora, protesta, leva uma eternidade para se levantar e outra para se vestir... uma roupa pica-lhe, outra aperta-lhe, outra é pirosa (escuso de deixar os kits preparados na véspera porque ela arranja sempre maneira de me trocar as voltas!). A tudo isto somamos mais uma dose de mau humor para se pentear, tomar o pequeno almoço e lavar os dentes. Enfim, uma pessoa fica cansada só de pensar!

Do quarto passa para a cozinha e ali fica sentada a olhar para a mesa enquanto fala, canta ou protesta. De manhã tudo é possível! Eu acordo esfomeada mas ela acorda sem apetite. É um excelente garfo (não tenho razão de queixa, sempre comeu lindamente) mas só tem fome uma hora depois de acordar (sai ao papá). Por ela ia para a escola sem tomar o pequeno almoço. No way baby! O pequeno almoço é a refeição mais importante do dia e aqui ninguém sai de casa sem comer. Pergunto-lhe sempre o que quer pois sei que gosta de variar e assim não me aborrece com contrariedades. Leite e pão (torrado ou simples com manteiga) ou bolachas de água e sal (barradas com doce de tomate) ou cereais Chocapic misturados com leite ou com iogurte natural ou com uma banana partida aos pedacinhos salpicada de gelatina de morango... são estas as escolhas de sua excelência!

Para além disso, gosta de levar cereais Chocapic dentro de uma caixinha para comer ao meio da manhã com o leite (ou fruta) que dão na escola. E, enquanto as aulas não começam, vamos entrando nas rotinas e acertando os horários. Tem que ser! Confesso que também já ando saturada da rambóia dos meses de férias. Rotina e organização precisam-se.

Ahhhh, e por falar em cereais, não se esqueçam que de 10 a 14 de setembro a Semana dos Cereais Chocapic volta à KidZania! Durante 5 dias, as crianças que visitarem a Fábrica de Cereais Chocapic na KidZania, vão ser surpreendidas com a receção animada do Pico (a mascote fofinha de Chocapic!). Nesta Fábrica, as crianças podem trabalhar como verdadeiros engenheiros alimentares e fabricar os seus próprios cereias Chocapic ;-)


Nós vamos lá estar! A Rafaela vai adorar descobrir como são feitos os seus cereais preferidos 


AngelLuzinha

Descansa em paz querida Leonor

04.09.14 | Paula Veiga Claro
Soube da notícia ontem à noite... já não tive cabeça para fazer mais nada. A seguir fui ao quarto e fiquei de coração apertado a olhar para a minha querida Rafaela que dormia que nem um anjinho. Fui passear a Amélie e contemplei o céu à procura de respostas. A seguir fui-me deitar mas levei imenso tempo para adormecer. Não há nada que me perturbe mais do que a morte de uma criança. Fico devastada, revoltada e incrédula. Será que Deus existe mas anda a dormir?... ou será que abandonou definitivamente a espécie humana e deixou cada um de nós entregue à sua sorte? Que espécie de Deus é este que permite que uma criança sofra tanto para depois a levar consigo em vez de a deixar junto dos pais que tudo fizeram para a salvar? Será que Deus precisava de mais um Anjo? Não sei... mas não se leva assim uma vida que ficou com tanto por viver... os filhos jamais deviam partir primeiro que os pais, jamais! É anti-natura, é brutal, é matar uma pessoa por dentro deixando-a viva. 

Sempre tive esperança na recuperação da Nônô. O ano passado até lancei este leilão no blog com o intuito de fazer chegar o caso mais além e dar a minha singela contribuição. Ontem ao ler a notícia nem queria acreditar... não tenho palavras para transmitir aos pais desta princesa que tantos corações conquistou com o seu sorriso e coragem permanentes... não tenho palavras... descansa em paz Princesa Guerreira.. que o teu sorriso continue a brilhar estejas onde estiveres... 


Estou tramada com estes dois...

03.09.14 | Paula Veiga Claro
Os meus dias continuam a ser divididos entre trabalho, brincadeira e cansaço (muito!). Gosto de fugir à rotina durante as férias mas aprecio o regresso aos horários e à ordem... sobretudo porque sou mãe e a nossa vida vira um caos quando as crianças andam demasiado tempo à rédea solta. A rotina e a escolha fazem-lhes bem e a nossa sanidade mental agradece.

Isto para dizer que, nestes últimos dias, tenho funcionado na base da negociação. De manhã trabalho (enquanto ela vê televisão ou faz uns livros de fichas ao meu lado), depois trato dos afazeres domésticos e ao final da tarde vamos à praia. Tem que haver tempo para tudo. Não posso andar na rambóia (como ela quer!) o dia todo. Se ela colaborar eu faço o meu trabalho e a seguir vamos brincar... se não colaborar temos o caldo entornado e uma mãe à beira de um ataque de nervos!

Chego à noite mais morta que viva e é a muito custo que a consigo meter na cama porque a energia daquele corpinho é inesgotável! Ela adormece e eu enfio-me no computador até às 3 da manhã para terminar edições, orçamentos, atualizar o blog, analisar propostas, etc, etc... morta! é assim que eu ando!... já tive, inclusive, que recusar alguns trabalhos porque não tenho mãos nem tempo para tanto. Quem me dera fazer parte do grupo de mães sortudas que tem os avós por perto para darem uma ajuda, a sério!!!... isto de ser mãe e profissional a tempo inteiro tem muuuuito que se lhe diga...

Por outro lado, tenho o o reverso da medalha, ou seja, quando ela for crescida tenho a certeza absoluta que aproveitei ao máximo estes anos que não voltam para trás. Se vissem a alegria dela ontem na Costa! Nunca mostrou grande interesse pelo bodyboard (para desgosto do papá que pratica esta modalidade há 20 anos!) mas ontem tomou-lhe o gosto depois de experimentar a prancha de uma menina. Uma prancha baratuxa, daquelas que se compram nas tendas à beira da praia... baratuxa mas super cool! Ela adorou e deu-lhe com o jeito! Com a do papá toda pro nunca atinou! LOL!

Escusado será dizer que me vi grega para a tirar da água. Já estava roxa e não largava a maldita prancha. Chegou ao carro lavada em lágrimas e protestos. O frio e a fome ajudaram! Só sei que parei na primeira tenda que me apareceu pela frente e comprei-lhe uma prancha com golfinhos como ela queria. As crianças vencem-nos pelo cansaço! Há dias em que uma pessoa já nem tem pachorra para levar a melhor!

Em suma, chegou a casa feliz da vida e desejosa de contar tudo ao papá. O nosso homem do mar ficou babadíssimo mas achou que eu podia ter comprado uma prancha melhorzinha porque com esta chinesice não vai longe (por ele a miúda já era federada!). E para aqui andou a dar-lhe explicações no tapete da sala... e ela já queria aprender a fazer rolos e aéreos... e ele já me dizia "ahhh e tal se calhar vou inscrever-te nas Boogie Chicks".

Enfim... cheira-me que vou ter dois malucos em casa em vez de um... estarei condenada a ficar "abandonada" e inquietada no areal?... para mim só águas calmas... morro de medo de mares revoltos!


AngelLuzinha

Passatempo Regresso às Aulas: Blog Angel Luzinha + Maped

01.09.14 | Paula Veiga Claro

Já sabem que a Maped, líder mundial de material escolar, é uma presença assídua aqui no blog nesta altura em que o regresso às aulas está no centro das nossas atenções (e preocupações!). Todos os anos assinalamos esta temporada com um passatempo ;-)

Desta vez, a Maped tem para oferecer 2 kits escolares às seguidoras do blog. Cada kit é composto por:

- 1 esferográfica Dark Clic de tinta azul
- 1 Furador Perfo Slim Greenlogic
- 1 Tesoura Tatoo Soft de 16 cm
- 1 Conjunto de canetas de feltro Graph'Peps de ponta fina (tinta preta)

O passatempo termina dia 5 de setembro à meia noite e só é válido para Portugal. As duas vencedoras serão apuradas via random.org.

Para se habilitarem a ganhar só têm que: 
1. Ser seguidoras (registadas) do blog
2. Fazer LIKE na página do facebook da AngelLuzinha 
3. Partilhar publicamente este post no facebook convidando 2 amigas e deixando este comentário: "Vamos regressar às aulas com o blog Angel Luzinha e a Maped".
4. Preencher o seguinte formulário:

Nota: Só é válida uma participação por pessoa.




Pág. 4/4