Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe.

Qui | 21.09.17

Marvão

Paula Veiga Claro

Às vezes dou por mim a pensar como é que consigo dar conta de tanta coisa ao mesmo tempo. Os dias atropelam-me, a agenda engole-me mas os anos trouxeram-me aquela maturidade que nos permite estabelecer prioridades e respirar com (alguma) serenidade no meio do caos. Nos momentos de maior stress, costumo fechar os olhos e imaginar-me no meio da floresta entre o verde, o sossego e a luz que tanto amo. A seguir expiro, volto ao rebuliço mas mantenho-me focada nas bolhas de oxigénio que me alimentam e aquietam. Cada um de nós tem as suas e é a elas que recorremos para manter a preciosa sanidade mental.

Isto para vos dizer que ando para publicar estas fotos de Marvão desde o final de agosto (quando estivémos no meu Alentejo) mas só hoje é que o consegui fazer. Marvão é aquela vila mágica, aninhada nas muralhas do castelo, que se ergue sozinha e imponente no topo da Serra do Sapoio a 860m de altura. É um local único e deslumbrante que faz parte do roteiro da minha infância porque quem vive em Portalegre (como eu vivia) adora dar um pulo a Marvão e a Castelo de Vide nos fins de semana (e ninguém perde a célebre Feira da Castanha que leva até à vila milhares de pessoas todos os anos).

Aqui o tempo parou e a arquitetura mantém-se fiel à história. Aqui reina a brancura das casas, o verde da serra e o silêncio no seu estado mais puro. 






 Liberdade é coisa boa! Ninguém consegue acompanhar o ritmo frenético da Amélie mas ela para-se no caminho e fica à nossa espera com este ar.
Parece dizer: "Vá lá pessoal, toca a mexer as patinhas!"








Este macaco do Lidl foi uma das minhas fardas de verão. 
Giro, prático e super confortável (uma espécie de segunda pele!)


 Parece um rato!!! Muito gosta esta criatura de explorar todos os cantinhos :)







Top Zippy
Calções Primark
Sandálias Pisamonas





Aqui só deixa de haver luz quando o sol mergulha definitivamente no horizonte. 
Se há locais que tocam o céu, Marvão é um deles 

Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook

3 comentários

Comentar post