Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Made in Portugal: Princess Pea

17.05.12 | Paula Veiga Claro

No ano passado dei de caras com um eco-bag super original e amoroso. Tinha uma ilustração da Rachel Caiano e resolvi ver a que marca pertencia. Foi assim que descobri a Princess Pea e na altura publiquei o dito eco-bag AQUI no blog. A Princess Pea é uma marca de produtos de uso quotidiano valorizados através da ilustração, tendo como base o vasto universo dos contos infantis. Desta forma, a Princess Pea fantasia os mais variados momentos do dia a dia, tornando mais visível, mais acessível e mais apreciada a ilustração de alguns dos mais conceituados ilustradores nacionais. Estive à conversa com Catarina Almeida que me mostrou o que está por detrás desta simpática ervilha ;-)

Angel: Catarina, tenho que aproveitar esta entrevista para lhe dizer que o vosso logotipo éuma fofura. Aquela ervilha é um amor! Foi a Princesa Ervilha que deu nome àmarca? Têm uma paixão especial por este conto?
Catarina: Foi realmente esse conto que deu nome à marca, mas não foi por acaso.No conto, a princesa embora pobre, faminta e desprovida de vestes de princesa,era mesmo a princesa verdadeira. Era princesa por dentro e esse facto só foiprovado devido à sua sensibilidade. A Princess Pea tem produtos que são paramulheres princesas, nem sempre por fora, mas sempre por dentro. Sensíveis aobelo e ao especial.

Angel: Sendo uma marca portuguesa, optaram por um nome inglês. Têm em vista ainternacionalização?
Catarina: Sim. Embora muito portuguesa, a Princess Pea pretende espalhar-sepelo mundo e tem um nome inglês porque o mundo é uma aldeia global e o inglês éuma língua universal.

Angel: O que diferencia a Princess Pea das restantes marcas do sector? Qual é avossa vantagem competitiva, digamos assim.
Catarina: Os nossos produtos são especiais, assinados, são pequenas obras de arte quedão para usar no dia a dia e é tudo feito em Portugal. Achoque não fazemos bem parte de um sector, uma vez que o que fazemos nunca foifeito em Portugal, portanto, somos um pouco pioneiros.

Angel: Comercializam produtos portugueses de uso quotidiano (vestuário, malas,sacos, bijuteria, artigos de decoração, loiça, agendas, cadernos, etc)valorizados através da arte da ilustração tendo por base os contos infantis.Pensam alargar a vossa oferta a outros sectores?
Catarina: Estamos sempre a pensar em novos produtos que os nossos clientes gostassemde ver na Princess Pea. Outros sectores talvez não seja bem o termo, mas simnovos produtos.

Angel: Sei que estão sempre atentos aos novos talentos. No início deste mês a CatarinaGuerreiro arrecadou 2013 votos e juntou-se à vossa lista de ilustradores. Comque frequência lançam estes desafios?
Catarina: Foi a primeira vez para comemorar o nosso aniversário de 6 meses de lojaactiva. Iremos repetir talvez quando fizermos 1 ano de actividade... mas tentamos sempremanter a fasquia dos ilustradores elevada. Queremos trabalhar com os melhores eacho que é o que temos feito.

Angel: O desafio é lançado apenas aos ilustradores nacionais ou também se estende além fronteiras?
Catarina: Os nossos ilustradores são o nosso orgulho, sem eles nada disto fariasentido e é por eles que os nossos produtos são especiais. O ilustrador é apersonagem principal por detrás do produto. Fazemos questão que sejamportugueses. Se temos ilustradores com tanta qualidade para quê procurarestrangeiros? O que é português é bom!

Angel: Sem dúvida! É bom e recomenda-se como eu costumo dizer. Daí a importância desta rubrica Made in Portugal da Angel♥Luzinha que está a suscitar casa vez mais interesse na blogosfera e arredores. Tenho conhecido e divulgado marcas com um potencial impressionante. Vamos agora falar um pouco sobre as vossas vendas. Qual é a peça mais procurada pelos vossos clientes? 
Catarina: Os nossos eco-bags são um verdadeiro sucesso. Talvez sejam os produtos maisvendidos. São versáteis e práticos e evitam o uso de sacos de plástico. São atrativos,leves, lavam-se na máquina e lindos! São o nosso cartão de visita.

Angel: Pensam abrir uma loja física ou continuar a apostar nas vendasonline?
Catarina: Vamos sempre apostar nas vendas online embora tenhamos algumas lojas ondeos nossos produtos estejam disponíveis. Lojas especiais, com qualidade eprodutos diferentes, sempre ligadas à arte. A curto prazo não passa pelos nossos planos ter loja própria.

Angel: Como é que promovem a marca?
Catarina: A nossa marca promove-se a si mesma, pela qualidade dos produtos, peloconceito. A comunicação social também tem dado uma boa ajuda na divulgação, talcomo o facebook.

Angel: Deparam-se com alguma dificuldade especifica, tendo em conta a actual conjuntura?
Catarina: Sim. Por vezes as quantidades mínimas de produção são muito elevadas e issoexige algum investimento. Essa facto somado a alguma falta de poder de comprapor parte dos clientes. Mas encaramos tudo com coragem e cada dia ou cadaprojeto é um desafio que queremos sempre ultrapassar.

Angel: Se o génio da lâmpada vos concedesse três desejos, quais seriam?
Catarina: 1º- Conseguir internacionalizar de uma forma significativa. Gostávamos que a nossa ilustração fosse mais reconhecida lá fora, bem como o design portuguêse tudo o que de bom se faz por cá.
2º- Nunca dececionar os nossos ilustradores e conseguir sempre valorizaras suas ilustrações com produtos bons, bonitos e úteis.
3º- Conseguir atingir quantidades de produção que, de alguma forma,contribuíssem para algum desenvolvimento económico.

Angel: Que mensagem gostariam de deixar às centenas de mães que visitamdiariamente a Angel♥Luzinha?
Catarina: Gostaria de incentivar as mães a consumir o que é português. Às vezes umpequeno gesto, uma escolha no super-mercado, pode salvar alguns postos detrabalho e contribuir para o funcionamento saudável de algumas empresasnacionais. Incentivem os vossos filhos a gostar do que é português, avalorizarem a arte, a ser sensíveis ao belo e, acima de tudo, a nunca desistirdos seus sonhos. O sonho comanda a vida e a alma lusitana sempre foi degrandes empreitadas. Vamos transmitir às gerações futuras que com métodos detrabalho, coragem e muita vontade, podemos conseguir tudo o que desejamos.

Angel: Sem dúvida Catarina, o sonho é o motor da vida. Faço suas as minhas palavras e acredito que com esse espírito positivo e criativo a Princessa Pea irá certamente conquistar o mercado internacional porque a vossa qualidade e originalidade são incontestáveis.

Para entrarem no universo Princess Pea basta visitarem o site da marca http://www.princesspea.net/shop/ ou a página no facebook clicando AQUI.
























2 comentários

Comentar post