Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

A pilha de nervos, a compra cinco estrelas e o momento histórico!

13.02.13 | Paula Veiga Claro

Mas o que é isto? a barca de Noé, uma conspiração, uma bancada da Feira da Ladra?... não, não é nada disso. Isto é simplesmente a cama da minha filha e uma das minhas dores de cabeça nos últimos tempos. Assim que acorda de manhã lá vai ela a caminho do seu quarto (sim, ela ainda dorme no nosso, a sua caminha está mesmo ao lado da nossa e escusam de me vir com conversas porque será assim até ela o desejar) buscar os bonecos para colocar em cima da cama. Um ritual que me leva à loucura porque ela leva quase meia hora a compor esta tralha toda. Já são horas de estar na escola e aqui anda sua excelência de um lado para o outro. Trás um boneco de cada vez, conversa com eles e coloca-os com muito cuidado na devida ordem em cima da cama. Cada um deles tem um sítio especifico e se alguém a tenta ajudar cai o Carmo e a Trindade porque eu e o papá não percebemos nada disto. Ela é que sabe! reparem no relógio da Kitty em cima da fralda dobrada em quatro partes que coloca em cima da almofada!... isto assim até tem a sua piada mas levar com esta cena todos os dias ao levantar e ao deitar é de loucos! ahhh pois, porque ao deitar leva outra meia hora a tirar os bonecos um a um para o seu quarto onde os arruma também pela ordem que só ela sabe. E todos os dias acrescenta mais um a este amontoado. Mas onde é que isto vai parar?

Enfim, isto tinha que acabar. Expliquei-lhe de todas as formas e feitios que a cama assim fica um horror e só acumula pó. Expliquei-lhe que isto é uma trabalheira... todos os dias... com uma paciência que só eu tenho... até que me passei e disse-lhe que caso continuasse com este ritual, espetava com a cama no quarto dela porque não queria aquela tenda montada no meu rico quarto que adoro ver clean e arrumado, Aliás, eu odeio casas atafulhadas de tralha! gosto de tudo clean e minimalista sem tralha à vista.

A gota de água foi no passado fim de semana quando comprei este kit super giro na Primark (colcha + almofada). Adorei! foi amor à primeira vista. O tecido 100% algodão e o padrão igual aos da Zara Home que eu andava a namorar mas por menos de metade do preço. Uma compra excelente para trazer uma lufada de ar fresco à cama da madame Rafaela. Ela adorou, queria sair da loja já agarrada à almofada mas tudo mudou de figura quando chegou a casa. Trocámos o edredão pela colcha e pela almofada e em seguida espetou com a bonecada toda lá em cima. Foi a loucura! ela gritava, eu gritava... enfim... não nos conseguíamos entender. O papá só olhava e nem se metia neste "galinheiro feminino". Os ânimos lá se acalmaram, respirei fundo e lá a consegui convencer (depois de muitas lágrimas) a tirar alguns bonecos de cima da cama.

A verdade é que acabou por se fazer luz naquela cabecinha de 5 anos (já tão dona dos seus gostos e vontades) e acabou por perceber que a mamã até tinha razão. Em cima da cama restam agora apenas alguns exemplares e ontem à noite registou-se um momento histórico! a Rafaela sempre detestou dormir tapada por isso a cama dela tinha apenas a capa do colchão e o edredão só para compor porque em bebé tinha que dormir enfiada nos sacos para não gelar e quando começou a andar aos 11 meses tive que trocar os sacos pelos babygrows polares da C&A que felizmente continuam a existir para crianças crescidas. A modos que dona Rafaela dormia de pijama de flanela e babygrow polar e por vezes de luvas porque roupa em cima nem pensar. A mim fazia-me imensa impressão ver aquela criatura em cima da cama sem nada em cima mas ela queria assim para se mexer à vontade (porque nem a dormir consegue estar sossegada ao ponto de ficar com os pés para a cabeça!). Mal eu colocava o edredão plufff! aquelas pernocas faziam o favor de o desviar em três segundos (mesmo a dormir).

Mas ontem deu um passo de gigante! não quis dormir dentro do babygrow porque já não é bebé e pediu-me para colocar lençóis de flanela (como nós temos na nossa cama). Eu temi o pior e acordei várias vezes durante a noite para ver se ela estava tapadinha. Felizmente basta olhar para o lado e ali está ela fofinha na sua caminha... e não é que dormiu toda a noite como gente grande debaixo dos lençóis, do edredão e da colchinha? hoje à noite foi igual e eu nem estou a acreditar. Finalmente percebeu como é bom sentir o aconchego dos lençóis e de uma cama feita como deve ser... aleluia... e a harmonia visual está de volta ao meu quarto ;-)



Direito e avesso às florzinhas em tons suaves e padrões mimosos como eu tanto aprecio 


O blog AngelLuzinha também está no facebook aqui

11 comentários

Comentar post

Pág. 1/2