Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Uma mana para o Tomás

10.05.16 | Paula Veiga Claro
"Conheci o seu blog nas viagens pela net, fui espreitando-o até o seguir diariamente. Muitos parabéns por ele e pela partilha! Estou grávida pela segunda vez e a caminho das 37 semanas. Tenho um menino de 3 anos e na sua gravidez não fiz qualquer sessão fotográfica pois trabalhei até tarde... mas desta vez gostava de fazer uma com o meu marido e com o meu filho para eternizar o momento. Nunca fizemos algo do género e nem sei se temos jeito mas vi o seu trabalho e gostei muito! Gosto da ideia de ser ao ar livre com sol (se o tempo o permitir) e gostava de saber se tem disponibilidade para esta semana ou para a próxima, dado as semanas de gravidez".

E o desejo da Cláudia foi cumprido. No dia 2 de maio o sol brilhou a valer e a sua barriga de 38 semanas ficou registada para a posteridade entre o verde da natureza e as traquinices do Tomás. O Mickey também acompanhou a família e foi uma animação que nem calculam! Entretanto, a Carminho está quase a nascer e a Cláudia vai partilhando as suas paixões e vivências no blog que criou recentemente com o intuito de dar largas ao seu coração de mãe. Não deixem de espreitar, eu fiquei fã ;-)

Aqui fica uma pequena amostra desta manhã deliciosa e.... vá lá Carminho! Não demores muito mais porque tens aqui uma família em pulgas para te conhecer e esborrachar com beijinhos (Mickey incluído!).












Angel Luzinha Fotografia
Serviços e contactos aqui no blog

Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook

Vale mais prevenir que remediar

09.05.16 | Paula Veiga Claro
Qual é a criança que não gosta de andar de escadas rolantes e elevadores? Eu adorava mas passei a detestar a partir do momento em que fiquei fechada num elevador antes de ir para o teste de ciências da natureza! Nessa altura (tinha eu uns 12 anos) o que estava a dar lá na escola era passar os intervalos a andar de elevador (patetices próprias da idades! não lembra a ninguém) mas nesse dia lixei-me e apanhei um susto que recordo até hoje. Estava quase a tocar para a entrada, íamos ter teste e ali estávamos nós (eu e mais meia dúzia de colegas!) fechadas num elevador. Felizmente tudo acabou bem mas cheguei ao teste a tremer que nem varas verdes. Um susto que me serviu de lição e hoje só ando de elevador quando é estritamente necessário. Quando estava grávida, por exemplo, os vizinhos faziam questão de me dar a vez mas eu agradecia e arrastava-me até casa pelas escadas porque "E se fico ali fechada e entro em trabalho de parto com o susto? No way!"

Memórias que me vieram à cabeça este sábado quando fomos assistir, a convite da ThyssenKrupp, ao workshop de segurança que decorreu no Oeiras Parque. Um workshop dirigido às famílias onde o Super Zero explicou e exemplificou tudo ao pormenor. A verdade é que muitas crianças não cumprem as regras de segurança quando andam nos elevadores ou nas escadas/tapetes rolantes e muitas vezes são os próprios pais que incentivam a brincadeiras, nem se apercebendo dos riscos que correm. As escadas rolantes são seguras mas o uso indevido das mesmas pode ter consequências graves. Felizmente a Rafaela já sabe a lição de cor e salteado mas mesmo assim aqui a chata da mamã faz questão de lhe dar sempre a mão porque com os miúdos todo o cuidado é pouco e uma pessoa nunca sabe quando é que lhes dá para o disparate.

Tomem nota: Quando queremos chamar o elevador basta carregarmos uma vez no botão. Não vale a pena carregar muuuuitas porque não é por isso que ele vai subir ou descer mais depressa. A seguir, quando entramos, nada de carregar em todos os andares ao mesmo tempo como se estivéssemos a jogar no iPad! Ahhhhh e nada de andarem aos pulos ou de se encostarem às portas pelas razões óbvias.

Relativamente às escadas ou tapetes rolantes nada de chinelos ou crocs porque podem ficar presos, nada de atacadores soltos e pés em cima das barras laterais porque, ao contrário do que muita gente pensa, as escadas e os tapetes rolantes não param caso algo fique lá preso. Em suma, devemos circular sempre na parte central e dar a mão aos nossos filhotes para que não tenham a tentação de ir limpar os sapatos na escovas laterais (como vejo tantas crianças fazer! é um perigo).

Por último, não tendem (por favor!!) transportar os carrinhos dos vossos bebés pelas escadas rolantes. Não se esqueçam que os acidentes não acontecem só aos outros e que vale mais prevenir que remediar.


Com o Super Zero, o herói da ThyssenKrupp 
Super Zero????? Sim, de zero acidentes ;-)


Depois da teoria vamos à prática porque só assim se limam erros e distrações


Quem é que vai ganhar o jogo do Sobe e Desce? Quem é que vai acertar em tudo?

´
"Não vou falhar nenhuma resposta!"

E não falhou mesmo! Grande Rafaela! Temos uma perita em segurança ;-)


Obrigada ThyssenKrupp por este final de tarde à maneira ;-)



Rafaela: Colar Terços da Lupinha / Camisa e calças Zara / Carneiras Reguila
Eu: Blusa MO / Calções comprados na FIA 2015 / Botas Gardenia

FOTOS cedidas pela Thyssen

Alice

08.05.16 | Paula Veiga Claro
Ora aqui está uma novidade top para quem gosta de criar, costurar, desenhar, moldar, pintar e dar largas à imaginação no mundo das artes manuais. A Alice é uma revista mensal que se apresenta em 4 cadernos temáticos (Atelier/Festas/Costura/Artes) e nela encontram uma enorme diversidade de trabalhos executados pelas mais fantásticas artesãs portuguesas. O primeiro número foi para as bancas na passada semana e promete!

Aqui ficam os meus votos de muito sucesso para toda a equipa e um beijo especial para a Irina Alves que tem a seu cargo a direção técnica e de conteúdos (não fosse ela uma das grandes experts nestas matérias). Em suma, um projeto que tem tudo para ser um grande sucesso ;-)

E parabéns à Sílvia Melo da Pontinhos que deu vida à capa do caderno de Costura com as suas maravilhosas criações. Adorei!

Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook

Look do dia #21

06.05.16 | Paula Veiga Claro
A nossa mega encomenda da La Redoute já chegou (quem nos segue no instagram já viu a dimensão da coisa!) e foi a loucura cá em casa. A coleção de menina está realmente maravilhosa e as peças ainda são mais giras ao vivo! Tenho visto as coleções de muitas marcas mas este ano a da La Redoute está no topo das minhas preferidas no que diz respeito à roupa de menina crescida (onde eu me desgraço, como é óbvio!).

Prometi que vos ia mostrar alguns looks e aqui está um dos preferidos da Rafaela. A miúda é doida por saias/vestidos compridos e ficou em êxtase assim que pôs os olhos em cima desta saia azul comprida e esvoaçante! Quando a encomenda chegou estava um tempo impróprio para estas vestes (chovia a potes!) mas ela não se acanhou e durante essa semana, assim que chegava da escola, vestia-a e para aqui andava feita deusa (palavras dela!!!) a rodopiar pela casa.

Esta semana os termómetros subiram até aos 30º (e entretanto já desceram abruptamente!) mas na terça lá conseguiu estrear a saia de deusa com a sweat cinza de manga curta que é tão simples e tão gira (o tecido tem uns ligeiros pontos brilhantes que lhe dão um ar diferente e o decote tem um corte que lhe assenta super bem).

Em suma, um look boho chic (de deusa!) para as miúdas que gostam de brincar, esvoaçar e aproveitar ao máximo (e com estilo) a liberdade destes dias luminosos. E o melhor de tudo é que a nova coleção da La Redoute está TODA com 40% de desconto! Nós já aproveitámos e estas peças também já moram cá em casa ;-)





O colar da Terços da Lupinha e as sandálias Ipanema (do ano passado, estão no limite mas ainda lhe servem) completaram o look de deusa ;-)







BOM FIM DE SEMANA 

Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook

Novidades Zippy

05.05.16 | Paula Veiga Claro
Finalmente consegui arranjar uns minutos para vos falar da nova coleção da Zippy. Na semana passada fui conhecê-la ao vivo e a cores e fiquei com aquela vontade de trazer quase tudo para casa! Uma coleção cheia de coordenados práticos para os miúdos brincarem à vontade nas férias grandes que se avizinham (a Rafaela já não pensa noutra coisa!) mas também com aqueles looks mais arranjadinhos que tanto gostamos. 





Não morro de amores por padrões (sou muito de lisos, preto, branco, azul e tons pastel) mas este tropical suave ficou-me na cabeça ;-)


Gostei particularmente da coleção de bebé e destes coordenados em especial. 
Tons suaves, padrões mimosos, detalhes queridos e cortes simples mas cheios de estilo. Irresistível!




Se a Rafaela fosse bebé, estes não me escapavam! Aquele fofo salmão é qualquer coisa ;-)

FOTOS cedidas pela Zippy

Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook

O que esconde este embrulho? AMEI!

04.05.16 | Paula Veiga Claro
Na sexta feira chegou da escola mega feliz e esvoaçante. Assim que me viu disse logo: "Tenho que ter muito cuidado com a mochila porque trago aqui o teu presente! Não o posso esborrachar! É lindo! Tu vais adorar, adorar, adorar!"

E para aqui andou a cantar e a dançar de volta das minhas pernas. É incrível como uma criança consegue encher uma casa (sobretudo uma criança como ela que fala pelos cotovelos e tem energia para dar e vender!). A seguir escondeu-o, andou aos segredos com o papá e, por incrível que pareça, conseguiu guardar a sua língua de trapo. No domingo, acordou com um entusiasmo brutal, entregou-me este embrulho e foi mágico! Tão feliz que ela estava... e conseguiu guardar segredo... minha rica filha 

 Embrulho mais querido é impossível! Nós as duas a passear pela liberdade do campo com a Amélie (um dos programas que mais gostamos de fazer!)


Assim que vi a flor percebi logo porque é que ela tinha precisado da ajuda do papá! 
Foi ele que imprimiu a foto para ela levar para a escola. Mistério desvendado :-)


O embrulho também trazia um Jornalinho com textos, receitas, anedotas e estes desenhos que me enchem o coração. É uma criança muito feliz e isso transborda em tudo o que faz.


E por fim, um postal com um poema que me deixou a babar para o resto do dia :-)



Gostaste mamã? Eu não gostei, EU AMEI!!! 

Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook


Mothers are Angels on Earth

03.05.16 | Paula Veiga Claro
Obrigada, mais uma vez, a todas as mães que passaram pela minha lente no passado sábado e encheram o estúdio com os vossos sorrisos e donativos. Foi maravilhoso! Somos todas diferentes mas iguais aos olhos deste amor incondicional que faz de nós umas babadas. Um amor infinito, único e inexplicável. Um amor que tem tanto de belo como de assustador. Um amor que arranca o nosso melhor sorriso e nos ilumina o olhar mesmo naqueles dias em que andamos mais mortas que vivas. Um amor que nos dá uma força incomensurável. Um amor que relega a nossa própria existência para segundo plano porque os filhos estão sempre primeiro. Por eles deixamos de respirar caso precisem de oxigénio, por eles movemos montanhas, por eles vamos até ao fim do mundo, por eles damos o nosso melhor todos os dias para que cresçam felizes e seguros de si. 

Aqui fica uma pequena amostra desta tarde fantástica. Não estou autorizada a publicar todas as fotos porque há mães que não o permitem e eu respeito ao máximo (cada uma sabe de si e dos seus) mas o meu profundo obrigada a todas 


(Sim, tenho os olhos inchados! É do cansaço e das alergias que me atormentam nesta altura do ano!!!)

























Também nos podem seguir no  Instagram e Facebook

De coração cheio! Missão cumprida

02.05.16 | Paula Veiga Claro
Houve quem me perguntasse o que é que eu ganho em fazer um shooting solidário, ou seja, em trabalhar de borla, ainda por cima num sábado cheio de sol? Infelizmente há pessoas que vivem mergulhadas no seu próprio umbigo e jamais conseguirão perceber que a minha realização pessoal e profissional também passa por proporcionar sorrisos a quem mais precisa. Não sou rica no sentido monetário do termo (vivo do meu trabalho como o comum dos mortais) mas sou rica em sonhos e um deles passa por erguer a Fundação Angel Luzinha para ajudar crianças abandonadas e maltratadas. É um sonho que acalento há imenso tempo (não é novidade para quem segue o blog atentamente) e só espero viver o suficiente para o concretizar. Até lá, vou fazendo o que estiver ao meu alcance para equilibrar este mundo onde uns têm tanto e outros tão pouco. Até lá, vou passando esta mensagem à minha filha e a todos os que me rodeiam. Até lá, vou vendo a Rafaela crescer com um grande sentido de ajuda, responsabilidade e partilha porque esse é o caminho para o ser humano atingir a plenitude.

Em suma, quem semeia amor só pode colher os melhores frutos e foi isso que ambas colhemos esta tarde quando fomos entregar pessoalmente à Ajuda de Berço, os donativos do shooting solidário "Mothers are Angels on Earth".

Muito obrigada a todas as famílias que passaram pela minha lente no passado sábado, sobretudo às que vieram de tão longe e de transportes públicos com os filhos e donativos. Isto só mostra que não há impossíveis para quem gosta de ajudar e espalhar felicidade.



Qualquer pessoa pode contribuir para a Ajuda de Berço
Quem o quiser fazer basta ver a lista de necessidades que a instituição publica mensalmente aqui e entregar os donativos na Av. de Ceuta, n.º 51 - R/C em Lisboa. 
Telf: 213 628 274

Pág. 3/3