Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Uma sessão cheia de ternura

09.01.15 | Paula Veiga Claro
Quando fotografo bebés e crianças tudo é feito ao seu ritmo. Se estão a dormir espero que acordem, se têm fome espero que comam, se têm sono espero que adormeçam para depois as ver acordar com aquele ar fresco e satisfeito. Momentos deliciosos e sem stress como manda o mundo delas. Posso levar duas horas a fazer o trabalho ou uma manhã/tarde inteira. O importante é respeitar os seus ritmos e rotinas para registar tudo com a máxima genuinidade (sem as aborrecer para não virarem feras!).

A baby MC nasceu há quatro meses. A primeira vez que a fotografei ainda estava na barriga da mamã (podem ver a sessão aqui). Depois de nascer fotografei-a duas vezes e já me sinto uma espécie de "tia" desta princesa que apetece esborrachar com beijinhos. Desta vez a mamã queria uma sessão em casa para registar algumas rotinas. E assim foi. Quando cheguei estava a dormir profundamente. Esperei que acordasse e recebeu-me com um sorriso malandreco que dava gosto ver. Uma bebé tranquila e super bem disposta. Nunca a ouvi chorar e dei por mim a lembrar-me da Rafaela que, com esta idade, acordava sempre num berreiro desgraçado. A sério! Vocês nem fazem ideia! A Rafaela era uma chorona de bradar aos céus! Por isso é que não tenho grandes saudades dos tempos de bebé (não foram naaaada fáceis!).  Ao invés, a MC é a típica bebé tranquila que come, dorme e acorda com um sorriso delicioso. Nem a vi chorar quando a fome apertou. Um espetáculo de princesa!

Obrigada querida V por me autorizar a partilhar alguns destes momentos deliciosos 

































Angel Luzinha Fotografia
Serviços, preços e contactos aqui no blog

A tão desejada festa de aniversário

06.01.15 | Paula Veiga Claro
Não há criança que não goste de fazer anos. Não há criança que não goste de reunir amigos e familiares e soprar as velas com todos os pulmões. Foi assim no dia 3 de janeiro na Clareira Encantada, um espaço que adoramos e que já divulguei várias vezes aqui no blog. Ali há de tudo para se fazer uma festa à maneira sem custos exorbitantes. O valor final já inclui decoração, pratos, copos e travessas. Nós só temos que levar o bolo e os petiscos. Fantástico! Sobretudo para quem teve que lutar contra o tempo (como eu!) para tratar de uma infinidade de coisas no meio do forrobodó natalício. 

O sol brilhou toda a tarde e a criançada trocou o espaço indoor (que tem imensos livros, jogos e brinquedos) pelas correrias no pátio. A rainha da festa não podia estar mais feliz! As amigas que convidou conseguiram estar presentes e adorei ver a alegria com que se abraçavam umas às outras. Delicioso!

Este ano não contratámos nenhum serviço de animação. A Rafaela não quis e a nossa carteira agradeceu. Diz que está farta de festas onde tem que fazer uma série de atividades programadas. Compreendo-a perfeitamente. No meu tempo não havia nada destas coisas e a diversão era garantida. Hoje em dia é que virou moda sobrecarregar as festas dos miúdos com atividades e palhaçadas que não deixam margem para as crianças serem elas mesmas e brincarem livremente umas com as outras. As crianças são criativas por natureza e quanto mais livres estiverem mais largas dão à imaginação. Fartas de regras e imposições estão elas (e nós!) o ano todo. Por isso mesmo, nesta tarde brincaram à vontade e foi muuuuuito bom ;-)




Rafaela: Casaco Maria do Laço (desta coleção outono inverno ) 
Saia e camisa Zippy (do inverno passado)






Que saudades dos primos que já não via desde o verão!


A melhor amiga. Adoram-se e até já me diz que quer aprender a falar chinês!


Wow um diário da Violetta com maquilhagem.... loucura total!!!


Anda numa de pinos e rodas... acho que todas as miúdas passam por esta fase!


Vamos lá explicar ao avô como é que a maquilhagem funciona...


Adora escrever e desenhar... e se for num diário da Violetta melhor ainda!



O bolo de aniversário da Doçuras da Patty estava para lá de espetacular! Disse-lhe que queria um bolo simples com uma coroa e estrelinhas em tons de branco, rosa e dourado. Ela apareceu-me com esta obra prima que até dava pena cortar! A massa era de chocolate com um ligeiro recheio de leite condensado. Admiro profundamente o trabalho de quem passa horas na cozinha a fazer uma coisa que depois vai ser devorada em três segundos. Eu não era capaz... até me doía a alma! Prefiro imortalizar, por isso aqui vai a foto :-)



Muito concentrada a pensar  nos desejos antes de apagar as velas...


Sete já cá cantam...my love, my light, my life 


Gosto de detalhes e faço questão de entregar a maior parte dos convites em mão. Tive que pensar em tudo com antecedência porque depois metiam-se as férias e ficava complicado. Entregou-os às amigas no último dia de aulas. Fui ao google, pesquisei por "convites de aniversário" e dei de caras com este free download que não podia estar mais de acordo com o espírito da festa. Poupei tempo e dinheiro. Foi preencher e imprimir ;-)


AngelLuzinha

O primeiro de 2015

05.01.15 | Paula Veiga Claro
Quando o despertador tocou até me ia dando uma coisinha má. Toca de chamar a Rafaela. Lá se arrastou entre lamentos e rabugices. Com 6 graus lá fora apetece tudo menos sair da cama! Mas tem que ser. Não houve lágrimas nem precisei de levantar a voz. Deixei-a na escola toda embrulhada em cachecol, luvas e casaco. Ia feliz e desejosa de rever a professora e as amigas. E eu? Eu rumei até ao Jamor com a mais nova para fazer o primeiro treino de 2015. Com este sol não me apetece enfiar no ginásio. Está um gelo dos diabos mas não há corpo que não aqueça com um bom treino! Sempre fui viciada em desporto. Comecei com a idade da Rafaela e só encostei às boxes nas duas gravidezes por indicação médica. Na primeira estive sempre de repouso absoluto (ia enlouquecendo) e na da Rafaela fiz a minha vida normal mas com a devida moderação. Nada de desporto e afins.

Depois do parto retomei os treinos. Sempre tive bichos carpinteiros. Estar parada é coisa que não combina comigo (e depois queixo-me de ter uma filha sempre ligada à corrente eh eh eh!). Em pequena andei na ginástica, natação, judo e futebol. Aos 18 entrei para a faculdade e não descansei enquanto não encontrei um ginásio em Lisboa perto de casa. Passava lá os dias. Era um vício desgraçado! Mas os tempos de teen já lá vão e hoje dou por mim a fazer das tripas coração para conseguir arranjar uns minutos livres para ir ao gym... não consigo treinar com a frequência que gostaria e depois começo a ficar stressada e ninguém me atura. Enfim, é um vício como outro qualquer... mas este é bom e faz milagres ao corpo e à mente. 


9 da manhã e seis graus. Bora lá aquecer porque parar é morrer! Mas por mais que treine jamais conseguirei ultrapassar a Amélie... é minúscula mas tem uma pedalada que nem calculam! A raposa mais querida do mundo adooora correr e andar em liberdade. Grande companheira! És a maior 

AngelLuzinha

Sugestão do dia #91

05.01.15 | Paula Veiga Claro
Ora aqui está uma boa notícia para as mães que andam sempre de olho nas promoções e adoram vestir os filhotes com coordenados que primam pela qualidade, originalidade e design cuidado. Já conhecem a Menina da Mamã Marketplace? Se não conhecem tomem nota porque vale a pena! É uma loja online onde podem adquirir várias artigos de cinco marcas nacionais: Pontinhos, Bá Store, Cor de Linho, JôKids Design, Cristiana Resina e Ladybug's Experience. 

O site está super giro e arrumadinho. Parabéns Catarina pelo excelente projeto. Dá gosto fazer compras online numa loja assim! Se não conhecem espreitem aqui. Há sempre promoções fantásticas ;-)

As capas lindas da Pontinhos estão lá a preços de saldo!


O vestido, as túnicas e os macacos super giras da Cor de Linho. Adoro!



Os pijamas da Bá Store


As blusas e bodys da JôKids Design 


As bonecas da Ladybug's Experience a lembras as bonecas de pano de outros tempos. 
Adoro, adoro, adoro!


As almofadas da Cristiana Resina para quem gosta de decorar os quarto dos miúdos com estilo e muita cor!


AngelLuzinha

De volta ao normal...

05.01.15 | Paula Veiga Claro
Para trás ficaram duas semanas de férias mais que merecidas. Duas semanas de descanso e algum stress porque esta altura do ano exige reorganização extra para uma pessoa dar conta do forrobodó. Natal, passagem de ano, aniversário da Rafaela... é muita coisa junta! Amanhã tudo volta ao normal. Uma normalidade desejada porque a folia também cansa. Adoro o Natal mas entro em janeiro com uma enorme necessidade de voltar à rotina e de me reorganizar. De qualquer forma, adianto já que vou ter saudades de me levantar às 11 da manhã! Amanhã às 7h20 canta o galo... até vai doer!... já estou a imaginar a cara da Rafaela... vai ser uma coisa jeitosa... hoje já se deitou de lágrimas nos olhos só de pensar que amanhã vai ter que saltar da cama a horas "impróprias". Está cheia de saudades da professora e dos colegas, passou as férias a brincar com as letras e com os números (sempre tão empenhada e responsável, é uma delicia!) mas levantar cedo é aquele pesadelo...

Pela frente temos um "livro" com 365 páginas por preencher. Um livro para escrever ao sabor da vida. Com o passar dos anos deixei de perder tempo com grandes balanços e afins. Já lá vai o tempo em que traçava uma lista de resoluções.  O passado já lá vai e o futuro não nos pertence. Não vivo o presente como se não houvesse amanhã mas aprendi a saboreá-lo com toda a intensidade. Os planos e os objetivos (em demasia) roubam-nos a energia vital. Roubam-nos a energia e mergulham-nos numa ansiedade constante... e depois pouco resta para vivermos em pleno.

O sonho comanda a vida mas há que sonhar com os pés no chão para que consigamos apreciar o que temos e o que vamos conquistando. Parece simples, não parece? Mas não é! O ser humano é ambicioso e sonhador por natureza. Quanto mais se tem mais se deseja. Saber apreciar o momento é um exercício que requer paciência e maturidade. É um dos segredos da pura felicidade.


A Rafaela com 2 anos a olhar para os peixinhos dourados. Foi tirada pelo papá em novembro de 2010 e continua a ser uma das minhas preferidas.

AngelLuzinha

Welcome 2015

02.01.15 | Paula Veiga Claro
Entrei em 2015 com os pés desfeitos mas muito feliz. Obrigada Hotel Ô Golf Mar pela forma maravilhosa com que sempre nos recebem. É por estas e por outras que moram no nosso coração. Fazem-nos sentir em casa e na hora da despedida ficamos sempre com uma enorme vontade de regressar. O hotel estava cheio, o ambiente era do melhor e a decoração estava um mimo! Desta vez a Nikon ficou em casa e foi substituída pelo telemóvel porque o objetivo era descansar e aproveitar ao máximo os últimos momentos de 2014 (até porque prometi ao meu marido que não ia aborrecer o pessoal com fotos e mais fotos!). Uma promessa difícil de cumprir porque estava uma luz maravilhosa e aquela paisagem grita por mim. Toca de sacar do telemóvel só para tirar mais uma... só para registar mais aquele detalhe, aquele sorriso, aquela luz, aquele pôr do sol... e toca de praguejar quando a bateria ia ao ar. Quem faz da fotografia profissão e paixão sabe como é... uma pessoa tem que fazer das tripas coração para se controlar.


Assim que entrámos no hotel demos de caras com uma mini feira onde várias artesãs da região expunham e vendiam artigos giros, giros, giros. Adorei as bonecas feitas em eva e as mini mobílias de madeira a lembrar os outros tempos. Um amor!


No Kids Club não faltavam os insufláveis e uma série de atividades para a criançada. Tudo decorado ao estilo Frozen, o maravilhoso filme dirigido por Chris Buck e Jennifer Lee. Desde o ano passado que a Elsa e a Anna entraram para o Top 10 das nossas girls!



Não sou um bom garfo. Há quem adore passar horas à mesa entre petiscos e conversas mas eu sou o oposto. Sempre tive um estilo de vida super saudável e faz-me imensa confusão ver os excessos que se cometem nestas alturas. Não tenho pachorra para estar horas à mesa a encher a barriga como se não houvesse amanhã. Sou das que come pouco mas várias vezes ao dia. Adoro sopa, vegetais, massa, arroz, fruta, cereais e leguminosas. Não como fritos, nem doces, nem carnes vermelhas. Quem segue o blog já sabe que aqui em casa só comemos carne de frango e peixe (raramente). Adoro comida macrobiótica e vegetariana. Adoro a sensação de satisfação e leveza que este tipo de alimentação nos proporciona e fico doida quando vou a algum lado e não consigo encontrar um cantinho com comida saudável (por isso é que ando sempre com a marmita atrás!). 

Mas neste ponto dou nota 20 ao Ô Golf Mar porque os buffets são super variados. Ali há repastos para todos os gostos e exigências. Tudo com aquele sabor caseiro que tanto aprecio. Enquanto uns se atiram às carnes e aos doces, eu lanço-me às saladas, aos pimentos assados, aos cogumelos salteados, ao peixe fresco e à mesa de queijos. Onde há um queijo lá estou eu! Gosto deles de toda a maneira e feitio... sempre foram a minha perdição.

E para as crianças também há sempre aquelas coisas que elas adoram. No réveillon até tiveram direito a um menu especial. Assim não houve choros nem protestos. Excelente ideia ;-)



Acordar devagar e caminhar durante duas horas entre o azul e o verde.
Descobrir caminhos e beber esta calmaria que me enche a alma de uma paz deliciosa...


Um pulo até ao Clube Aventura para aqueles momentos mais radicais ;-)


Bora lá contemplar o último pôr do sol de 2014 e entrar em 2015 com o pé direito. Quem me dera que os anos passassem mais devagar... quem me dera que a vida não fosse tão acelerada... nesta noite costumo ser invadida por uma estranha nostalgia... uma enorme vontade de parar o tempo...


O vestido waffle da Pontinhos foi o escolhido para a bicharoca fofinha entrar no novo ano. Estava tão feliz! Dançou, pulou e cantou até às 3h00 da manhã. Está uma crescida, faz uma companhia extraordinária.


Saúde e amor. Com estes ingredientes ganhamos super poderes e vamos até ao fim do mundo.

Adeus Vimeiro! Até breve ;-)

AngelLuzinha

Pág. 3/3