Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Angel Luzinha

Fotografia e o prazer de ser Mulher e Mãe por Paula Veiga Claro

Prontos para a festança :-)

06.01.12 | Paula Veiga Claro


Tudo a postos para a grande festa de amanhã. A Rafaela anda por aqui entusiasmada e trocada com o tempo. "A festa é agora mamã? É hoje? É amanhã??". Aquela cabecinha de 4 anos ainda tem um grande vazio espacio temporal :-)))

E também anda de volta dos sacos a mexer nas coisas giras que vamos levar para a criançada. Vai ser uma diversão!!! E também já me "ajudou" imenso!!! Estive ali sentada a puxar pelos pulmões para encher um monte de balões e em seguida pendurei-os todos ao longo de um fio. A piolha agarrou naquilo tudo e foi a correr à sala mostrar ao papá, ou seja, em segundos conseguiu enlear aquela trapalhada toda!! buffff.... toca de dar cabo das minhas unhas recentemente pintadas a desenlear aquela teia de aranha... ai ai!!!

E o meu gânglio continua a lutar contra as forças do mal. Isto não está bom, não senhor. Tenho o ouvido e a garganta feitos num oito!!! E o papá chegou hoje do trabalho também a queixar-se da garganta... e a Rafaela, apesar de todo o entusiasmo, já está melhor da constipação mas não está a 100%. Tem estado bastante chorona e irritadiça ao longo do dia. Anda por aqui bicho, anda anda.

Depois da rambóia do fim de semana ou ficamos bons de uma vez ou vamos todos parar à cama... vamos ver... força gânglios! não nos deixem ficar mal ;-)

Gânglios e esquilos :-)

05.01.12 | Paula Veiga Claro
Hoje acordei assim. Dói-me a garganta e o ouvido esquerdo junto do qual tenho um gânglio inchado... ai ai... vamos lá ver se não fico doente agora que se aproxima a grande festa de aniversário da piolha que tanto trabalho me está a dar a organizar.

Mas vai na volta, aproveitei a deixa para dar uma lição sobre gânglios à Rafaela. Expliquei-lhe que os gânglios são uma espécie de anjos da guarda, são bichinhos bons que ajudam o nosso corpo a manter-se saudável.

Quando os bichinhos maus entram no nosso corpo, os gânglios ficam furiosos e aumentam de tamanho, ficam grandes para os assustarem. Por isso mesmo, temos que comer muitas coisas saudáveis para os nossos gânglios terem forças para lutar contra os bichos maus.

Ela olhou para mim e disse na sua habitual doçura "Posso fazer uma festinha ao gânglio, mamã?

Agarrei o dedinho dela e coloquei-o em cima do dito cujo. Ela sentiu e perguntou: "O gânglio tem olhos e boca? e tem pelos? É um esquilo?"

Eu fartei-me de rir!!... santa inocência!!

E assim que chegou da escola quis logo fazer mais uma festinha ao "esquilo" da mamã :-DDD

Acordo ortográfico

04.01.12 | Paula Veiga Claro
Felizmente, depois da madame Rafaela adormecer, consegui voltar às minhas leituras. Os meus serões são assim, dedicados, na sua maioria, ao estudo, à pesquisa e à escrita. 


Hoje agarrei-me outra vez ao novo acordo ortográfico. Tenho que ir lendo aquilo várias vezes para interiorizar as novas regras... buff... mas há coisas que me fazem tanta confusão!!! Dou por mim a pensar que daqui nada não sei escrever... dou por mim a escrever e a pensar se é assim ou se é assado... bufff que atrofio!

Mas tem que ser. Aos poucos a coisa vai lá. Entretanto vou dando umas calinadas aqui e ali.
Mas cheira-me que daqui a 3 anos, quando a Rafaela for para a primária, já vou estar à altura de a acompanhar correctamente nos trabalhos de casa... caso contrário, corro o risco de a ouvir dizer "Ohh mamã, tu não percebes nada disto! não se escreve assim!".

Mas quem lidou com a passagem do escudo para o € também vai saber lidar com a nova sopa de letras. E agora vou-me deitar porque são quase duas da manhã e tenho os olhos a arder.

Pérolas: Fashion!

04.01.12 | Paula Veiga Claro

Depois do jantar, sentei-me (finalmente) no sofá a dar uma vista de olhos pelas toneladas de revistas que o papá trás para casa... sim, toneladas, porque a profissão dele assim o exige. Por vezes dou por mim a pensar no dinheiro que eu faria a vender todas aquelas revistas que mal tenho tempo para ler... por isso vou dando a amigas e familiares porque detesto ver aquilo ali ao monte em cima da mesa.

Mas a minha leitura não durou cinco minutos. A Rafaela quis logo vir meter o bedelho porque ela só está bem em cima de mim, como uma gatinha enroscada no colo da dona!!! Em cima de mim a pedir mimos e a tagarelar constantemente! A minha filha deve ser arraçada de papagaio ou de arara porque falar e cantar é com ela. 

Foi então que a piolha agarrou na Vogue e disse "Também vou ler mamã!".  Eu acho-lhe um piadão pois ela senta-se e ali fica muito senhora de si como se fosse ler tudo de uma ponta à outra. Aliás, vontade não lhe falta! Passa a vida a perguntar-me o que é que está escrito nos papeis e papelinhos, passa a vida a tentar encontrar as letras que conhece nas palavras que vê escritas. E foi então que começou a folhear a bíblia da moda com ar de gente grande, e vá de percorrer com os seus olhos curiosos todas aquelas páginas que nós mulheres tanto apreciamos.

Foi então que da sua boquinha saiu uma expressão que eu nunca a tinha ouvido dizer. Parou-se num anúncio da Tiffosi e exclamou "Tá toda fashion!"

E é assim, as miúdas hoje em dia estão muito à frente! Os tempos mudaram e de que maneira!!!... mas a verdade é que eu também dou o meu contributo porque a estética também se ensina. As meninas da idade da Rafaela adoram tudo o que seja cor-de-rosa, tudo o que tenha brilhantes, estrelas e princesas... por isso, cabe a uma mãe moldar este gosto tendencialmente piroso que as miúdas têm e que é uma verdadeira aberração! A minha também se apaixonou por aqueles ténis cheios de brilhantes da Kitty mas aqui a mamã não foi na conversa porque aquilo é uma monstruosidade. Adoro a Kitty mas aqueles ténis cor-de-rosa brilhantes são uma aberração, assim como as botas e as galochas cheias de brilhos e bonecada! Este tipo de calçado não combina com nada!!! Talvez só com fato de treino e mesmo assim não sei! São pavorosos!

Mas depois de várias lições e explicações, a minha piolha já interiorizou que é preciso fazer pandã. Há que combinar cores, padrões e formas. Agora já me diz que quer os lacinhos do cabelo vermelhos da cor do vestido, ou os collants castanhos da cor do casaco. Já aprendeu! Já não me vem com piroseiras!.... mas sei que vai ter tempo para isso... basta ver como se vestem grande parte dos adolescentes!!! eh eh eh!!

Eu nem digo nada!! Eu que andava sempre vestida de preto e de ténis para grande desgosto do meu pai :-DD

Mas a adolescência é a adolescência. Felizmente todos nós (ou quase todos!) voltamos a ser "pessoas normais" anos mais tarde :-)))

Castigo

03.01.12 | Paula Veiga Claro
Hoje, quando fui buscar a piolha à escola, cruzei-me com a Educadora que me avisou que ela estava de castigo. Pintou a boca toda de verde e assim ficou para a mamã ver o estado em que ela estava.

A Rafaela é a doçura em pessoa, é uma criança absolutamente meiga e carinhosa mas a verdade é que também é dona de uma teimosia que nos faz perder a cabeça! faz ouvidos moucos e eu já a avisei que um dia destes a levo ao médico dos ouvidos pois é lá que vão as meninas surdas.

A Educadora avisou-a para não por os lápis de cera na boca mas a madame Rafaela não fez caso nenhum e para além de os por na boca resolveu ainda fazer deles baton!!!!!! Ficou com a boca toda pintada de verde, incluindo dentes. E depois, foi para o castigo, pois claro! É lá o lugar das meninas desobedientes. A Susana é uma educadora super querida mas quando alguém pisa o risco é implacável e esse é um dos aspectos que mais aprecio na sua maneira de lidar com a criançada. Sorrisos, mimos, aprendizagem e brincadeira mas sempre com rédea curta e respeitinho.

Quando cheguei, a piolha teve autorização para sair do castigo e lá veio ter comigo. Olhou para mim envergonhada e disse "Ups, fiz asneira!".

Eu olhei para ela com ar sério e perguntei-lhe se tem 4 anos ou se afinal ainda é um bebé porque os bebés é que metem tudo na boca e riscam-se e pintam-se com os lápis e canetas. E continuei em tom sério, e disse-lhe que se ela torna a fazer isso, eu e o papá pedimos à Susana para a levar para o berçário pois é lá o lugar dos bebés. "Então para que é que tu trouxeste a tua malinha com o baton cor de rosa para o cieiro se andas a pintar os lábios e a boca com o lápis de cera VERDE????".

E lá veio ela a pedir "desculpa mamãzinha!". Mas uma pessoa tem que ser firme e aqui em casa, tal como na escola, os castigos servem para ser aplicados quando é preciso. Teimosia, má educação e ouvidos moucos nem pensar!

E lá me prometeu que não voltava a fazer tal disparate. E eu acredito pois geralmente aprende com os erros e já não volta a fazer a mesma asneira (faz outras!!!). E se volta a não fazer o que a educadora lhe diz, quem a põe de castigo sou eu, ali sentada no tapete do quarto (que é onde eu a ponho de castigo quando se porta mal), para reflectir sobre as asneiras que faz. E está cheia de sorte porque o tapete do quarto é o seu lugar preferido, é o cantinho da brincadeira. Mas quando está de castigo torna-se o pior lugar do mundo pois só tem autorização para se levantar ou brincar quando eu lhe disser.

Enfim, é a fase das maquilhagem. Tudo serve de baton, tudo serve de pintura. Ohhh valha-me nossa Senhora!! E toca de partilhar pinturas e vernizes com as primas e amigas.... 

E à custa disto lá foi mais um bocado do meu desmaquilhante da Clinique que, vai na volta, está no fim só por causa das pinturas da madame. Ainda tentei lavar com água morna mas aquele verde estava mesmo entranhado!!!!!! é do Sporting, diz ela :-DDD

Das duas uma...

02.01.12 | Paula Veiga Claro

Ou o ano novo vai ser bem merdoso ou então vai ser um espectáculo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! :-))))))))))))))))


É que hoje de manhã, assim que saí de casa, eis que a Rafaela exclama: "Mamã, acabaste de pisar um cócó!"

De olhos esbugalhados olhei para as minhas botas (felizmente não eram as novas!!!!) e ali estava ele! Um cócó fresco, acabado de fazer, totalmente esborrachado na sola!!! QUE NOJO!!!! Comecei logo a praguejar, pois claro! Fico doida com estes passeios todos sujos! E vá de explicar à Rafaela que os cães não têm culpa porque não sabem o que fazem, não são animais racionais. Os DONOS é que são os culpados! São uns porcos, uns mal educados, uns bruta montes porque, com tanto espaço verde que há por aqui, deixam os bichos fazer as necessidades em plena via pública! E muitas vezes à porta dos prédios e moradias. É indecente. É de uma falta de civismo incrível. Porque raio não apanham os cócós com o tal saquinho? Custa muito?

Uma pessoa tem que andar sempre a olhar para o chão, desvia-se de um "bolo" e em seguida depara-se logo com outro ... que nojo.

Por isso deixo aqui a mensagem em jeito de decreto-lei. Se eu mandasse, os donos que não apanham as necessidades dos respectivos animais, seriam obrigados a ENGOLIR as mesmas. Boca abaixo e ponto final.

Felizmente não eram as botas novas... será um bom presságio?.... vamos ver...

As botinhas da Petit Patapon

02.01.12 | Paula Veiga Claro
Eu já tinha prometido a mim mesma que estaria caidinha na Petit Patapon assim que resolvessem  fazer uns saldos como deve ser. Por isso mesmo, hoje às 14h00 fui buscar a piolha à escola e lá fomos as duas até à loja do Alegro. 70% de desconto!!! Assim SIM!

Atirei-me logo ao tal casaquinho em lã que andava a namorar há meses mas pelos vistos o destino não quis que fosse meu, ou melhor, da minha piolha. Só já havia dois exemplares minúsculos. Tamanho 4-5 nem vê-lo! 

Mas no meio de tanta coisa gira uma mulher arranja logo alternativas! E neste caso a alternativa foi bem melhor! A verdade é que a piolha já tem dezenas de casacos e este seria apenas mais um. Seria mais um casaco fruto dos devaneios de uma mãe viciada em comprar roupa para a filha. É o meu lado fútil, pois é! Podia dar-me para pior! Afinal comprar roupa não é assim tão grave ;-)

Foi então que os meus olhos ficaram parados nestas botinhas castanhas. Lindas, todas elas em pele, super macias, muito confortáveis com todas aquelas tachas aplicadas. E não é que havia um 26 mesmo à nossa espera!!! Era o único! A piolha experimentou e aprovou. Gostou imenso e já não as tirou dos pés. Ali andava ela de um lado para o outro toda contente. "Mamã, amanhã posso levar as botinhas para a escola? A Madalena e a Matilde vão gostar!". 

É impressionante como as meninas começam desde cedo a gostar de roupa, sapatos e acessórios. E gostam de mostrar as novidades às amigas e às colegas. Enfim, são mulheres em ponto pequeno, é verdade ;-)

E as botinhas lá vieram todas satisfeitas nos pézinhos da minha princesa. Qual casaco qual quê!!!! Ainda bem que já não havia o número dela porque as botas foram uma compra racional porque ela precisava. E o preço não podia ter sido mais petit!!!!

Custavam 79,90€ e comprei-as por 24,90€!!!!!!!!!!!!!!!!!! Isto sim, foi uma compra cinco estrelas.

Sim, porque eu no meu estado normal nunca daria 79,90€ por umas botas para ela estoirar em três tempos ou para lhe deixarem de servir de um ano para o outro. No way!


2012

01.01.12 | Paula Veiga Claro
Cá estamos em 2012 :-)
Passámos o ano no aconchego da nossa casa, sem barulheiras, sem stress, sem rambóias, conforme planeado. Estávamos a precisar de um fim de semana assim, longe de festanças e balburdias. Por isso mesmo, entrámos no novo ano da forma mais zen e tranquila possível :-) maravilha!

Na manhã seguinte o papá foi fazer a sua habitual corrida e eu aproveitei a parvalheira deste dia para fazer qualquer coisa útil porque estar sentada no sofá não é de todo o meu género!! A minha vontade era ir até ao ginásio, não para queimar calorias, mas porque é o meu vício, porque me dá prazer, porque é uma forma de estar na vida. Até porque aqui a menina não cometeu qualquer tipo de excesso alimentar e com a azáfama até emagreci 1 Kg no último mês. Eu já sou magra por natureza e quando ando mais stressada começo logo a perder peso. Enfim, enquanto uns entram no novo ano a pensar nos quilos a mais, eu entro no novo ano com o desejo de recuperar o meu querido quilito. E para isso nada melhor que os meus treinos de musculação :-)

Nada como começar o ano a fazer uma das coisas que mais adoro! Mas neste dia parvo até o ginásio está fechado porque as pessoas que lá trabalham também têm direito à vida, pois claro

Então resolvi atirar-me à árvore de Natal! Toca de desmanchar a dita cuja com a ajuda da Rafaelita. "Vá meu amor, ajuda a mamã a tirar e a guardar os bonequinhos. Vamos guardar todos com cuidado aqui nesta caixinha porque para o ano, no próximo Natal, vamos precisar deles outra vez!".

Ela olha para mim muito séria e exclama: "Para o Natal?? Mas vai haver mais Natal? outra vez??"

Enfim, santa inocência. Na sua cabecinha de 4 anos o tempo é algo muito vago. Aliás, basta haver uma alteração na rotina diária para ela ficar logo à toa, sem saber se são horas de almoçar, jantar, ou de dormir a sesta!!! E nem vale a pena entrar em grandes detalhes porque se ainda não tem a perfeita noção do dia e da semana, quanto mais do ano!!
Tudo tem o seu tempo, pois claro. Para além disso, tem a vida toda para se preocupar com o tempo, esse maldito que nos foge e já não volta.

E foi assim o nosso primeiro dia de 2012. Um dia passado na tranquilidade da nossa casa a ver desenhos animados, a brincar com a bonecada nova e a dar mimos extra à nossa piolha que entrou no novo ano com uma carraspana dos diabos! Eu até me admiro como é que ela só se constipou agora porque ela passa a vida a despir-se, a descalçar-se, anda sempre cheia de calores! E eu sempre atrás dela "Veste o casaco Rafaela, olha que está frio! Não te quero descalça! Olha que ficas doente! Já estás arregaçada outra vez? Tens as mangas todas molhadas, mas que raio andaste a fazer? Estiveste a lavar as mãos ou a tomar banho? Queres ficar doente?"

Enfim, eu e os velhos clássicos maternais!! Aquilo que as nossas mães nos diziam e que nós dizemos aos nossos filhos e que eles um dia vão dizer aos deles!! mas a verdade é que o sangue e a vida corre-lhes nas veias, estão cheios energia! Quando uma criança sente frio é mau sinal, é porque não está  mesmo bem.

E agora vou-me deitar porque amanhã é um novo dia. Que o nosso 2012 seja tão bom como o 2011 :-)

E para começar temos festa no próximo fim de semana! Temos a mega festa de aniversário da nossa filhota! SIM, porque isto de se fazer anos no dia 26 de Dezembro é muito complicado. Nesse dia não se consegue reunir família, amigos, colegas e vizinhos. Por isso mesmo, temos que fazer duas festas. Uma foi no Alentejo com a família e amigos chegados e a outra será aqui no Kids Clube já no próximo Sábado. Vai ser uma alegria!

SIM, porque ela merece :-) 

Pág. 6/6